Alvo do Atlético-MG, Cuca tem obstáculo para volta

22/07/2022


Além do histórico treinador, Renato Gaúcho é um nome a entrar na pauta



O atual técnico campeão do Brasileiro e da Copa do Brasil está livre no mercado. E é o maior vencedor da história do Atlético-MG. Naturalmente, Cuca vira uma das opções para o Galo suceder Antonio Mohamed. Mas o ge apurou que existe um obstáculo para o retorno do treinador.


Cuca está sem clube desde que deixou o próprio Atlético após a Copa do Brasil, em 15 de dezembro de 2021, em Curitiba, sua cidade natal. Passou a cuidar da família, de seus negócios fora do futebol e, principalmente, neste momento, foca na inauguração do "Instituto Treinador Cuca", a ter as portas abertas em agosto.


O projeto social do técnico, em parceria com a Prefeitura de Curitiba, irá promover atividades esportivas, artísticas e sociais para até 600 crianças na capital paranaense. Além do investimento financeiro e de conhecimento, Cuca é o líder do projeto.


Os sete meses de 2022 nos quais Cuca passou longe do comando de uma equipe foram dedicados também para o futuro Instituto, perto da inauguração. O Atlético já sabe disso. O ge apurou também que já houve um contato do Galo com o seu ex-técnico. O clube não se pronuncia oficialmente.


Até domingo, porém, é praticamente certo que o treinador será o interino Lucas Gonçalves, auxiliar permanente da comissão técnica. Renato Gaúcho é outro alvo no mercado para o Galo substituir Antonio Mohamed, demitido após o empate com o Cuiabá.


Voltar para ajudar o Atlético seria um fator de alto convencimento para Cuca, que optou por rescindir o contrato 12 meses antes do fim por uma opção familiar. Recentemente, inclusive, o Galo presenteou Cuca e seus auxiliares (Cuquinha e Eudes Pedro) com réplicas em miniatura dos troféus do Brasileiro e da Copa do Brasil. Para retornar, porém, Cuca teria de abrir mão de um projeto pessoal de grande porte em Curitiba.