Ana Júlia Ribeiro assume cadeira na Câmara de Curitiba

23/08/2022


Vereadora vai ocupar vaga aberta com a cassação de Renato Freitas



A Câmara Municipal de Curitiba (CMC) empossou, na sessão desta terça-feira (23), a primeira suplente do PT, Ana Júlia Ribeiro. Eleita com 4.538 votos, a estudante assumiu a cadeira vaga com a cassação do mandato de Renato Freitas, confirmada pelo plenário no dia 5 de agosto.


Com Ana Júlia, a bancada feminina fica com nove vereadoras e é a maior da história da Casa. Aos 22 anos de idade, a estudante é a vereadora mais nova da 18ª legislatura da Câmara de Curitiba. Também é a segunda mulher mais jovem a assumir uma cadeira na Casa: parlamentar da 1ª legislatura, a professora Maria Olympia Carneiro Mochel tinha 21 anos.


A cerimônia, nesta manhã, contou com o juramento, a assinatura do termo de posse e o pronunciamento da nova vereadora (assista na íntegra). Ana Júlia já recebeu a placa com seu nome e pode participar das votações em plenário desta terça. Estudante universitária, ela cursa Direito na Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUCPR) e Filosofia na Universidade Federal do Paraná (UFPR). Foi uma das lideranças estudantis secundaristas durante as ocupações dos colégios estaduais, em 2016, em oposição à Reforma do Ensino Médio e à Emenda Constitucional 95/2016.


Ana Júlia Ribeiro chegou ser empossada em 4 julho. No dia 07, entretanto, em função de decisão judicial, Freitas retomou o mandato e ela retornou à suplência. Após novas sessões especiais, nos dias 4 e 5 de agosto, o plenário confirmou a cassação do mandato de Freitas por 23 votos a 7, além de uma abstenção.