top of page

Artes, brindes e orientação: Hospital Erasto Gaertner abre Outubro Rosa com evento especial

27/09/2022


Apresentação musical e coreográfica, distribuição de brindes e oficinas de maquiagem marcarão o evento, que ocorrerá na próxima segunda, 3 de outubro



Para marcar o início do Outubro Rosa, o Hospital Erasto Gaertner (HEG) promove, na próxima segunda-feira (03/10), um evento especial com o propósito de incentivar a conscientização sobre a importância da prevenção e do diagnóstico precoce do câncer e a promoção da saúde da mulher. O evento, aberto ao público, terá início às 10 horas e ocorrerá na área em frente à sede da Rede Feminina de Combate ao Câncer, instalada nas dependências do HEG, em Curitiba (PR).


Apresentação musical, execução do número de dança do Programa de Ginástica Aeróbica e Ritmos e distribuição de brindes com o “Quiz da Mama” são algumas das atrações da programação. No encontro, haverá ainda sessão de reiki, dinâmica de amarração de lenços, oficina de maquiagem e orientações da equipe do Conscientizar +. E para interagir com o público, voluntários do projeto Especialistas da Alegria, grupo de palhaços que atuam em hospitais de Curitiba, também estarão presentes, realizando diversas performances artísticas entre os participantes do evento.


No Outubro Rosa 2022, o HEG reitera seu compromisso com a prevenção e o tratamento. Referência no atendimento oncológico no Sul do país, a instituição de saúde registrou crescimento de 30% no número de pacientes com casos graves dos vários tipos de câncer, sobretudo o de mama, de intestino e de pele. Essa alta, observada nos anos de 2021 e 2022 em relação a 2020, é atribuída à redução da procura da população por atendimento médico para os tumores. Por isso, a campanha reforça a importância do cuidado e da assistência qualificada, marcas da entidade.


“Nosso trabalho humanizado e acolhedor para os pacientes é garantido durante os 12 meses do ano, mas o Outubro Rosa tem todo um significado relevante para todos nós, pois é quando divulgamos ainda mais as ações e orientações contra essa neoplasia maligna. Durante o período crítico da pandemia, muitos pacientes deixaram de recorrer aos serviços das instituições de saúde e ao exame de mamografia. É o momento de reafirmarmos, como sociedade, o nosso pacto com o cuidado”, pontua o superintendente do HEG, Adriano Lago.


O médico José Clemente Linhares, chefe do Serviço de Ginecologia e Mama do hospital, também chama atenção sobre a proteção da saúde da mulher e para a retomada dos cuidados. “É preciso que a população feminina volte a fazer os exames de rotina, uma vez que ainda há uma inércia nesse sentido em razão da pandemia.”


Dr. Linhares cita, ainda, a inovação no tratamento trazida pela incorporação de uma nova classe de drogas aos protocolos do Sistema Único de Saúde (SUS), os chamados inibidores de ciclina. “Esse avanço deve entrar para consulta pública em breve. É uma inovação que modificou a história natural do câncer da mama.”


Estatísticas

No Brasil, excluindo os tumores de pele não melanoma, o câncer de mama é o mais incidente em mulheres de todas as regiões, com taxas mais elevadas nas regiões Sul e Sudeste. Para o ano de 2022, são estimados pelo Instituto Nacional do Câncer 66.280 casos novos no país, o que representa uma taxa bruta de incidência de 43,74 casos por 100 mil mulheres (INCA, 2019). No Paraná, a taxa ajustada prevista para este ano é de 47,96 casos para cada 100 mil mulheres (INCA, 2021).


Outras ações em andamento


Outra ação do HEG neste Outubro Rosa é referente ao Dia da Reconstrução Mamária, com três edições ao longo de 2022. Duas já foram realizadas e a terceira ocorrerá em outubro. Direcionada a pacientes mastectomizadas do Sistema Único de Saúde (SUS), ou seja, que foram submetidas à cirurgia de retirada parcial ou total da mama devido ao câncer, a mobilização também atende à Lei nº 9.656/1998, a qual assegura o acesso à reconstrução mamária para pessoas que tiveram de se submeter à mastectomia por causa do câncer de mama. Para garantir a boa simetria, além da reconstrução na mam a afetada, é feita a mamoplastia na outra mama.


E até o final do mês de outubro, a equipe do Programa Conscientizar+ participará, também, de diversas ações de educação em saúde em Curitiba e no interior do Paraná.


Serviço

Abertura do Outubro Rosa do Hospital Erasto Gaertner (HEG)

Data e hora: segunda-feira (3/10), a partir das 10h

Local: em frente à sede da Rede Feminina de Combate ao Câncer, dependências do HEG

Atrações: apresentação musical, execução do número de dança do Programa de Ginástica Aeróbica e Ritmos, distribuição de brindes com o “Quiz da Mama”, sessão de reiki, dinâmica de amarração de lenços, oficina de maquiagem e orientações da equipe do Conscientizar +.

Aberto ao público

bottom of page