Artistas cobram destino dos recursos da Lei Aldir Blanc

22/04/2021


Os deputados ouviram as reivindicações da classe artística



As dificuldades de acesso aos recursos liberados pelo Governo Federal para socorrer os trabalhadores da cultura por meio da Lei Aldir Blanc foram debatidas em audiência pública remota promovida pela Comissão de Cultura da Assembleia Legislativa do Paraná na tarde desta quinta-feira (22). Representantes da categoria criticaram a burocracia no acesso ao auxilio emergencial e reivindicaram a criação de uma bolsa aos artistas.


Na quarta-feira (21) a Câmara Federal aprovou a prorrogação dos efeitos da lei federal com o projeto de lei 795/2021, do senador do Mato Grosso, Wellington Fagundes. Os R$ 3 bilhões destinados aos estados e municípios continuam sendo aplicados para auxílio de artistas e empreendimentos culturais até final do ano.


O Paraná recebeu R$ 84,9 milhões, valor dividido meio a meio entre Estado e administrações municipais, mas a alegação dos participantes da audiência pública é de que apenas 15% do total chegaram aos trabalhadores da cultura.