Balanço apresenta atividades do Governo no Litoral

11/02/2021



O secretário da Segurança Pública, Romulo Marinho Soares, coordenador estadual do Verão Consciente 2020/2021, divulgou balanço de 50 dias das ações do Verão Consciente 2020/21 no Litoral. Os números foram apresentados ao chefe da Casa Civil, Guto Silva, aos prefeitos da região e deputados estaduais.


A divulgação aconteceu nesta quarta-feira (10) em uma reunião restrita, devido à pandemia, na cidade de Matinhos. Também estavam presentes os coordenadores ou representantes das instituições do Governo do Estado atuantes no Verão Consciente.


O secretário da Casa Civil, Guto Silva, avaliou os resultados das atividades no período. “Este foi o ano do verão consciente, porque nosso foco foi mais educativo em função da pandemia. Está sendo feito um ótimo trabalho. No ano que vem, com toda a estratégia de vacinação, teremos condição de vir com força total num novo formato”, disse.


De acordo com o secretário da Segurança, a pandemia da Covid-19 está sendo o maior desafio nesta temporada. “A gente começou a operação Verão Consciente com a Covid-19, os hospitais todos ocupados, sem previsão do que iria acontecer. Porém, com um grande trabalho de planejamento, estamos passando com sucesso por esse desafio, atuando em todos as frentes e orientado a população.


Um dos destaques foi a redução da necessidade de salvamentos no mar. Na comparação com os primeiros 50 dias da temporada anterior, houve queda de 16% dos salvamentos no mar – caíu de 722 casos para 609, e 547 pessoas saíram da água ilesas. O trabalho dos bombeiros e o cuidado das pessoas também refletiu nas advertências e orientações, que tiveram queda de 26% e 21%, respectivamente.


SAÚDE E CONSCIENTIZAÇÃO – A Secretaria de Estado da Saúde promoveu ações de enfrentamento à Covid-19, à dengue e outras doenças. As equipes fizeram 12.080 testes RT-PCR, 4.569 deles positivos. Os pacientes receberam acompanhamento dos profissionais de saúde dos municípios. O Governo do Estado investiu cerca de R$ 201 mil para adquirir os testes e demais exames necessários. Além disso, três veículos de suporte avançado estão disponíveis à população.


Durante 37 dias de atuação da Superintendência do Esporte no Verão Consciente, as atividades precisaram ser adaptadas devido à pandemia. Um dos destaques foi a inclusão de profissionais da área da saúde para reforçar as orientações e a prestação de serviço no combate à propagação do coronavírus. No total, 300 mil pessoas foram orientadas e receberam informações dos profissionais e de universitários treinados pelo Governo do Estado.


VERÃO SEGURO – O comparativo dos primeiros 50 dias das duas últimas temporadas aponta redução de 33,5% nos furtos em geral (de 1.231 para 818) e de 33,7 % nos roubos (de 264 para 175). A prevenção também auxiliou na queda dos casos de furtos e roubos de veículos – os furtos caíram 28,5% (de 49 para 35) e os roubos 50% (6 para 3). A perturbação do sossego, uma das contravenções que mais demandam a Polícia Militar, diminuiu de 343 foi para 289 casos, uma queda de 15,7%.


Com reforço de equipes da Polícia Civil nas delegacias, 61% dos homicídios que ocorreram no Litoral foram solucionados. Dos 18 crimes registrados 11 estão elucidados. Além disso, houve aumento de 32% na instauração de inquéritos policiais nesta temporada. Foram 68 no mesmo período do verão passado e 90 neste ano.


MEIO AMBIENTE E TURISMO - A Secretaria do Desenvolvimento Sustentável e do Turismo também teve resultados positivos nesses 50 dias de Verão Consciente. Além do monitoramento semanal da balneabilidade do Litoral e das praias de água doce do Interior, 241 vistorias e 156 orientações foram aplicadas pelo Instituto Água e Terra (IAT). Estudantes também atuam em orientações e abordagens a turistas da Ilha do Mel, onde foram colocadas, ainda, quatro cadeiras anfíbias para acessibilidade ao mar.


A Sanepar recolheu em torno 515,7 toneladas de resíduos sólidos nos 48 quilômetros de faixa de areia das praias de Guaratuba, Matinhos e Pontal do Paraná, de 24 de dezembro até 07 de fevereiro. O número representa uma média diária de 11,2 toneladas de lixo recolhidos no Verão Consciente. No mesmo período da temporada passada a média diária foi de 13,5 toneladas.


A empresa também distribuiu aos banhistas 150 mil unidades de sacolas biodegradáveis para armazenamento de lixo. Essa ação, assim como o trabalho de coleta de resíduos nas praias, é feita por cerca de 120 pessoas, a maioria moradores do Litoral paranaense, divididas em 10 equipes.


Para garantir o fornecimento de energia a toda população do Litoral e também aos veranistas, a Copel tem geradores de energia à disposição e aumentou o número de trabalhadores na região.


Devido às fortes chuvas de janeiro, a Defesa Civil Estadual levou ajuda humanitária aos municípios de Morretes e Guaraqueçaba, fez acompanhamento dos locais de risco atingidos pelas chuvas e atuou na desobstrução de vias, principalmente a que leva à Guaraqueçaba. Foram feitas ainda duas grandes operações de combate à dengue e a entrega de material de prevenção à Covid-19 (álcool, álcool gel e máscaras faciais) aos municípios do Litoral.