Brasil iguala recorde olímpico de medalhas da Rio 2016

05/08/2021


Número de 19 medalhas pode ser atingido nos últimos dias



A prata conquistada por Pedro Barros no skate park fez com que a delegação do Brasil igualasse em Tóquio o seu recorde histórico de medalhas em uma edição dos Jogos. No quadro de medalhas, o país soma 16 pódios, além de medalhas já garantidas, mas faltando definição (boxe pode ser ouro, prata ou bronze e o futebol ouro ou prata). Esse total chega a 19.


Nas Olimpíadas do Rio, o país levou sete ouros, seis pratas e seis bronzes, somando 19 pódios, melhor campanha da história.


Os ouros conquistados em Tóquio: Ítalo Ferreira (surfe), Rebeca Andrade (salto sobre a mesa), Grael/ Kunze (vela) e Ana Marcela (maratona aquática). As pratas: Kelvin Hoefler (skate street), Rebeca Andrade (ginástica individual geral), Rayssa Leal (skate street) e Pedro Barros (skate park). Bronze: Alison dos Santos (400m com barreiras), Thiago Braz (salto com vara), Abner Teixeira (boxe), Mayra Aguiar (judô), Daniel Cargnin (judô), Bruno Fratus (natação), Fernando Scheffer (natação) Luisa Stefani e Laura Pigossi (tênis). A definir: Futebol masculino (ouro ou prata) Beatriz Ferreira, do boxe (ouro, prata ou bronze) Hebert Conceição, do boxe (ouro, prata ou bronze).