Conheça os vinhos produzidos há 21 gerações pela família de Dante Alighieri

06/08/2021


Dante Alighieri, além de ser considerado o 1° e maior poeta da língua italiana e ter propagado sua grandeza intelectual mundialmente, também deixou como herança, através de seu filho Pietro, a produção de grandes vinhos na famosa região de Valpolicella Clássico, que são produzidos há 21 gerações e são clássicos como a obra de Dante.


Nascido em 1265, Dante Alighieri é considerado o primeiro e maior poeta da língua italiana, autor do clássico literário A Divina Comédia, definido como “il sommo poeta” (o grande poeta), e reconhecido por outras personalidades como Victor Hugo, Giovanni Boccaccio, Guido Cavalcanti, entre outros. A obra do poeta é conhecida, o que talvez seja menos conhecido é o fato de Dante ter tido três filhos, entre eles Pietro Alighieri que em 1353 comprou terras no coração de Valpolicella Classica. A região é rodeada por colinas verdes e fica apenas a alguns quilômetros do centro histórico da cidade de Verona e da beleza do Lago de Garda. Por 21 gerações, descendentes do Poeta Supremo viveram em Possessioni, um local de referência para a viticultura na região de Valpolicella.


Em 1549, a família Alighieri encontrou-se apenas com herdeiras mulheres que se casaram com homens membros da poderosa família imperial de Serego. Desde então, os descendentes da família se autodenominam pelo nome duplo, Serego Alighieri. A propriedade de Serego Alighieri é a que possui a mais longa tradição histórica, cultural e vinícola de Valpolicella, com mais de 650 anos, e se tornou uma das mais prestigiadas propriedades históricas de Veneza sob a égide do Grupo Masi em 1973. Hoje, a propriedade está aberta ao público para que todos possam ter acesso às suas memórias históricas e culturais.


Prestigiosos vinhos cru são produzidos na Possessioni Serego Alighieri, entre eles o Vaio Armaron - Amarone della Valpolicella Classico DOCG, que foi classificado como um dos dez melhores vinhos do mundo pela Wine Spectator.


As caves (local onde se armazena os vinhos) de Serego Alighieri são as mais antigas de Valpolicella, local de descanso de vinhos de carácter e nobreza identificáveis. Os seus aromas são surpreendentes e provêm da utilização de barricas de cerejeira de 600 litros. Ainda hoje em uso, seguindo as antigas tradições da família Serego Alighieri, a madeira de cerejeira ajuda a aumentar a maciez e a rotundidade dos vinhos, acentuando os aromas típicos das uvas da região de Valpolicella.


As caves também são abastecidas com algumas barricas de carvalho, que são utilizadas nas primeiras fases de maturação, uma vez que a madeira de cerejeira é muito porosa e só pode ser utilizada por um máximo de quatro meses para dar personalidade única aos vinhos.


Confiram alguns dos vinhos produzidos pela Serego Alighieri:


Vaio Armaron - Amarone Della Valpolicella Classico - DOCG


Um importante Amarone com extraordinária potência e complexidade: um clássico no portfólio da vinificação italiana. Este é o vinho ícone da herdade histórica de Serego Alighieri e provém da vinha de mesmo nome, e, pelo que consta, também é a origem do próprio nome “Amarone”.


Na análise visual mostra coloração vermelho rubi, em nariz intenso e elegante, com notas de fruta em conserva, ameixa seca e cacau. O paladar é bem estruturado, equilibrado, com taninos sedosos e um final longo revelando cerejas maduras e especiarias doces.


É ideal para harmonizar com carnes vermelhas, carnes de caça, codornizes assadas e pratos bem condimentados. Também é excelente combinação para queijos maturados como parmesão ou pecorino. Vinho fabuloso para consumir depois do jantar, a temperatura de serviço adequada é de 18 graus e seu potencial de guarda pode chegar até 30 anos.


Possessioni Serego Alighi


É proveniente da região Rosso Verona IGT, elaborado com as castas Corvina, Molinara e Sangiovese. Na análise gustativa é bem estruturado com boa acidez e aromas intensos a cerejas maduras e chocolate com acabamento longo. Trata-se de um vinho elegante adequado para diversas refeições, como carnes vermelhas, risotos e queijos moderadamente maturados, deve ser servido em temperatura de 18 graus e seu potencial de guarda pode chegar a 10 anos.



Bellovile Vermentino


Este vinho nasceu entre as colinas toscanas de Cinigiano em Poderi BellOville e marca o retorno dos descendentes de Dante à sua região natal. É um varietal de Vermentino, cujas uvas são cultivadas com um método biológico e proporcionam riqueza em aromas de flores e frutos silvestres brancos, principalmente a groselha branca. Na análise visual apresenta cor amarela profunda com reflexos dourados. Em nariz aromas florais de groselha branca e com notas de baunilha. Em boca é seco, tem caráter forte e notas de melão branco e damasco, e sua acidez bem estruturada torna o vinho muito atraente e longo em boca.


No quesito harmonização, apesar de sua estrutura forte e marcante, acompanha comidas delicadas como peixes, carnes brancas e pratos de vegetais. A temperatura adequada de serviço é de 8 a 10 graus.


Os vinhos da Serego Alighieri são comercializado no Paraná pela Rootstock Vinhos, acesse o site para mais informações e para conhecer os outros 300 rótulos disponíveis: www.rotstockvinhos.com.br