Copel retira 450 kg de fiação ociosa em postes do centro histórico

16/08/2022


Com apoio da Setran, Copel retira 1.850 metros de cabos da Rua Kellers



Uma força-tarefa da Companhia Paranaense de Energia (Copel) retirou 1.850 metros de cabos – o equivalente a 450 quilos -, da Rua Kellers, no Centro Histórico, no primeiro dia da operação de organização de fios e cabos aéreos instalados nos postes da cidade. Iniciado na segunda-feira (15/8), trabalho conta com o apoio da Prefeitura, por intermédio das secretarias municipais de Obras Públicas (Smop), do Urbanismo (SMU) e de Defesa Social e Trânsito (SMDT), e continua nesta terça-feira (16/8), na Avenida Jaime Reis.


De acordo com a Copel, na Rua Kellers foram identificadas irregularidades como cabos clandestinos, baixos, desativados ou rompidos. Além de causar poluição visual, o uso irregular dos postes da Copel também coloca em risco os cidadãos.


A intervenção dá andamento a uma parceria, firmada pelo prefeito Rafael Greca junto à diretoria da Copel, em agosto do ano passado, com vistas à segurança da população e à melhoria da paisagem urbana.


As intervenções fazem parte da primeira etapa de um plano de ação de organização do cabeamento aéreo e de retirada de fios irregulares em 14 endereços, entre os que já têm infraestrutura de cabeamento subterrâneo existente e os que integram os projetos Rosto da Cidade e Caminhar Melhor, em andamento pela Prefeitura.


A utilização dos postes em todo o País pelas redes de energia e dados segue normas definidas pelas agências reguladoras de telecomunicações (Anatel) e de energia elétrica (Aneel). Por lei, as concessionárias de energia devem conceder o uso das estruturas: na configuração de instalação em um poste, as redes de média e baixa tensão estão na parte superior, e os cabos de telecomunicações e dados na parte inferior dos postes.


A manutenção dos fios de telefone, internet e TV a cabo cabe às operadoras, que podem ser notificadas - e até multadas - pela Copel quando usam de maneira inadequada as estruturas compartilhadas. Recentemente, a Copel estruturou uma equipe própria dedicada exclusivamente à atuação nessa área. Nos casos em que a fiação oferece risco, o consumidor pode comunicar a Copel, pelo telefone 0800 51 00 116.