Deputado Daniel Silveira é preso novamente pela Polícia Federal

24/06/2021


Parlamentar desrespeitou regras da tornozeleira eletrônica



O deputado federal Daniel Silveira foi preso nesta quinta-feira pela Polícia Federal (PF) em Petrópolis, no Rio de Janeiro, por desrespeitar o uso de tornozeleira eletrônica por cerca de 30 vezes. O deputado havia sido preso em fevereiro por ataques aos ministros do Supremo Tribunal Federal e, desde o meio de março, foi autorizado a cumprir prisão domiciliar.


A ordem de prisão cumprida nesta quinta partiu do ministro Alexandre de Moraes, do STF, a pedido da Procuradoria-Geral da República (PGR). Na decisão, o ministro citou “total desprezo pela Justiça” por parte de Silveira. A defesa do deputado disse que Daniel Silveira é um “preso político”. “Seu caso já passou da hora de ser tratado nos organismos internacionais de defesa aos direitos humanos. Ele é um preso político e assim deve ser tratado”, disse o advogado André Rios.