H3N2 ou COVID-19: teste molecular identifica até 24 causas de infecções respiratórias

28/12/2021


Divulgação

Nas últimas semanas, houve um aumento significativo de casos de síndrome gripal em diversas regiões do Brasil, com grande número de casos positivos para o vírus da Influenza A, subtipo H3N2. “Apesar de estarmos no meio de uma pandemia, temos outros vírus que continuam circulando, além de bactérias. E mesmo estando no início do verão, houve um aumento na demanda de exames relacionados à síndrome gripal”, conta Rodrigo Chitolina, Responsável Técnico do Laboratório ID8, de Pinhais (PR).

Neste momento, se torna ainda mais importante a realização do teste molecular para diferenciação do agente causador da síndrome gripal, pois auxilia no controle epidemiológico e proporciona um tratamento personalizado ao paciente, diminuindo drasticamente o uso de medicamentos. “É uma metodologia que proporciona um resultado preciso. Hoje em dia não podemos mais aceitar que se trata de uma virose: precisamos saber se é Covid-19, se é H3N2 ou outro. Dentro da biologia molecular temos o que chamamos de painéis, e através de uma única amostra do paciente, conseguimos detectar 24 patógenos em apenas 4 horas”, explica.

O exame realizado pelo Laboratório ID8 é fornecido no Brasil pela Mobius Life Science, também localizada na região metropolitana de Curitiba. O Painel Respiratório é um exame molecular completo, capaz de identificar até 24 patógenos que causam infecções respiratórias. Ou seja, um único teste pode dizer se o paciente está com um tipo de vírus ou bactérias, como o Adenovírus humano, Coronavírus SARS-CoV-2, Rinovírus humano, Vírus Influenza A subtipo H1N1 e H3N2, Vírus sincicial respiratório A, entre outros.

“Apenas com o exame clínico, o médico não tem como saber se está ocorrendo uma infecção bacteriana ou viral. Há vários patógenos respiratórios que causam sintomas muito parecidos. Saber qual está causando a doença é fundamental para que se receba rapidamente o tratamento adequado”, afirma Juliano Bison, da Mobius Life Science. “O diagnóstico molecular baseia-se em técnicas consagradas da biologia molecular como a PCR (reação em cadeia de polimerase) que investiga a causa da infecção pela busca de material genético do vírus ou bactéria no organismo do paciente”, finaliza Bison.

Sobre o Diagnóstico Molecular – O diagnóstico molecular baseia-se em técnicas consagradas da biologia molecular como a PCR (reação de cadeia em polimerase) e suas variações visando a investigação de alvos de interesse a partir da análise do material genético, o DNA e o RNA. Ele apresenta altíssima sensibilidade e especificidade na investigação, gerando resultados mais precisos e rápidos. Permite maior reprodutibilidade dos ensaios, contando com protocolos práticos e kits de fácil utilização.

Sobre a Mobius Life - A Mobius Life Science faz parte de um grupo sólido de empresas com mais de 25 anos de atuação e grande expertise no mercado. Desenvolve e comercializa produtos destinados ao segmento de medicina diagnóstica, fornecendo kits para extração de ácidos nucleicos, sorologia e também para diagnóstico molecular in vitro de doenças infecciosas, oncologia e genética.


Rua Paraíso do Norte, 866, Pinhais (PR)

www.mobiuslife.com.br

Sobre o ID8 - Um laboratório de apoio focado no diagnóstico molecular com entrega rápida, oferecendo resultados em poucas horas após o recebimento da amostra, com um fluxo de trabalho operacional os 7 dias da semana. Os serviços vão além do diagnóstico. Metodologias simples e ágeis que reduzem consideravelmente o tempo de entrega do resultado, possibilitando ao paciente a chance de um tratamento mais assertivo e direcionado.