Hostel Bebel abre as portas para receber o público do Festival de Teatro de Curitiba

21/03/2022


Com uma pegada mais cultural, o hostel oferece história, arte, conforto e funcionalidade para quem vem à cidade prestigiar a edição comemorativa do maior evento cênico do Brasil


Divulgação

De 29 de março a 10 de abril, Curitiba vai respirar arte, cultura e entretenimento. Nesse período acontece a edição comemorativa dos 30 anos do Festival de Teatro. Serão espetáculos em teatros, parques, praças e em espaços abertos e alternativos espalhados pela cidade, numa efervescência cultural que há dois anos estava adormecida por causa da pandemia.

Na 30ª edição do Festival de Teatro, Curitiba se transformará num gigantesco palco. A plateia terá a oportunidade de assistir a peças de teatro, espetáculos de circo e de danças, de participar de oficinais de arte, de eventos artísticos e performáticos e de uma exposição de fotografias que conta a história dos 30 anos do festival pelas lentes de Lenise Pinheiro.

A volta presencial do maior evento de artes cênicas do Brasil movimentará não apenas o setor cultural de Curitiba, mas fomentará toda uma cadeia do turismo e da economia, gerando empregos, renda e maior ocupação de hotéis, bares e restaurantes.

Com uma pegada mais cultural em conceito de hospedagem, o Hostel Bebel é o lugar ideal para as pessoas apaixonadas por arte e a escolha certa para quem vêm para o Festival de Teatro.

Localizado na esquina das ruas Engenheiros Rebouças e Vinte e Quatro de Maio, no bairro Rebouças, em Curitiba, um prédio construído há 80 anos abriga o Hostel Bebel, que oferece muita história, arte, conforto e funcionalidade.

A proprietária Bebel Ritzmann conta que desde a sua inauguração, em 2020, o hostel tem sido referência em meio de hospedagem para o público que vem a Curitiba passar poucos dias, mas que busca qualidade de atendimento e ótimas instalações. Além disso, tem fácil acesso aos locais que acontecerão os espetáculos.

“Mas o que tem fidelizado o hóspede é que o hostel oferece um ambiente confortável e moderno. A decoração afetiva com quadros, fotografias, instalações, esculturas e móveis garimpados é um diferencial que chama a atenção das pessoas”, destaca Bebel Ritzmann.

Cartão postal e objeto para o hóspede registrar sua passagem por Curitiba é o painel do artista plástico e advogado Luiz Gustavo Vardânega Vidal, instalado na fachada do hostel.

O Hostel Bebel tem capacidade para receber aproximadamente 50 pessoas, dispõe de três suítes (uma é pet friendly) com aparelho de Smart TV, três quartos para família, quarto preparado para pessoas com deficiências e idosos com toda a acessibilidade e estrutura necessárias, além de dois quartos coletivos com 12 leitos, todos com ar condicionado.

Também oferece lockers individuais, roupa de cama, cozinha, banheiros individuais e compartilhados, deck superior para lazer com mesa e churrasqueira, além de uma bela vista da região sul da cidade.

O hostel tem à disposição dos hóspedes a Sala Mercedes com televisão e lareira e o Espaço Gagá com redes para descanso. As diárias variam de R$ 70 a R$ 110 por pessoa; o café da manhã é opcional com agendamento, bem como o aluguel de tolhas e os serviços de lavanderia.

Destaque do Hostel Bebel é o Espaço Elefante Voador, ambiente para a realização de eventos e atividades culturais como lançamento de livros, exposições de arte, música, fotografia, workshops, coquetéis, confraternizações e minipalestras para grupos de até 40 pessoas.

Para mais informações e reservas acesse www.hostelbebel.com.br ou via whatsApp (41) 9 9957-1547.