Independência não significa impunidade, diz ministro Fux

02/08/2021


Ministros estão indignados com declarações de Bolsonaro



O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Luiz Fux, disse nesta segunda-feira que os poderes da República são harmônicos entre si, mas não podem ficar impunes quando atentam contra instituições. Fux discursou na sessão de abertura do segundo semestre do Judiciário.


“Harmonia e independência entre os poderes não implicam impunidade de atos que exorbitem o necessário respeito às instituições”, disse Fux. Ele afirmou ainda que a população não aceita que crises sejam resolvidas de formas contrárias à Constituição. “O povo brasileiro jamais aceitaria que qualquer crise fosse solucionada mediante mecanismos fora da Constituição”, concluiu Fux.