Stock Car chega em momento decisivo na luta pelo título

16/11/2021


Na Stock Car Pro Series, esse momento tem se mostrado espetacular



O chamado “momento premium” de todo piloto acontece quando ele entra na pista para tentar a pole position. Pneus novos, carro em sua configuração mais veloz, peso no limite mínimo, carga aerodinâmica ajustada para “fazer voar” – e o piloto em máxima concentração, sabendo que chegou a hora de entregar sua melhor performance.


Na Stock Car Pro Series, esse momento tem se mostrado espetacular. Nesta terça-feira (16), a categoria divulgou sua atual média de carros classificados em menos de um segundo no Q1, a fase do classificatório em que todos tentam simultaneamente cravar voltas rápidas. Até a 10ª etapa, disputada em outubro no Autódromo Velocitta (SP), a Stock registrava uma média de 26 competidores em tempo médio de 0s844.


É como se cada um desses 26 Stock Cars cruzasse a linha de chegada a cada 0s032, marca que coloca a categoria entre as mais exigentes do mundo em termos de precisão e qualidade da pilotagem. Neste quesito, Curitiba (7ª etapa, com 29 carros), e também Cascavel (5ª etapa), além das duas etapas de Goiânia (8ª e 9ª), registraram as marcas mais impressionantes, com 29 carros em menos de um segundo na capital paranaense e 28 nas demais.