UFPR vai exigir comprovante da vacina para retorno às aulas

12/01/2022


O ano letivo da instituição começa no dia 31 de janeiro



O Conselho Universitário (Coun) da Universidade Federal do Paraná (UFPR) aprovou em reunião nesta quarta (12) a exigência do comprovante de vacinação contra Covid-19 para o início das atividades presenciais a partir de 31 de janeiro. O passaporte vacinal será solicitado a professores, alunos, técnicos, terceirizados e comunidade externa.


"Foi uma deliberação por unanimidade entre estudantes, técnicos e professores. Ela teve como base o exercício da nossa autonomia universitária confirmada por decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) e sobretudo sobre confirma nossa crença na ciência e na vacina para combate e controle desta pandemia. Foi uma decisão fundamental para nossa universidade", disse o reitor da UFPR, Ricardo Marcelo Fonseca.


A decisão levou em consideração a autonomia universitária, garantida pela Constituição Federal, o direito à saúde, os riscos de contágio pelo vírus SARS-CoV-2 e a suspensão, pelo Supremo Tribunal Federal (STF), do despacho do Ministério da Educação, que proibia a exigência de vacinação como condição ao retorno das atividades acadêmicas presenciais.